21 de abr de 2010

Revista japonesa escreve sobre corridas e maratonas

Tudo que é relacionado com corridas, vem parar em nossas mãos, seja no trabalho, seja em casa... acho que com vocês também é assim, não? Pois bem, estava eu lá no trabalho (eu trabalho com língua japonesa), quando uma colega vem trazendo uma revista lá da biblioteca: Brutus. Embora o nome da revista seja este, ela é japonesa.
É um tipo de revista que aborda vários assuntos, porém, em cada edição, ela traz um assunto só. E desta vez, o assunto era sobre corridas, maratonas e ultras. Destaco aqui alguns pedaços dela para vocês terem uma noção do que ela trouxe neste exemplar!
Dentre as apresentações de maratonas e ultras, havia esta que é realizada dentro da Floresta Amazônica, que dura 7 dias e se percorre 214 km. Diz a revista que isto é mais uma aventura do que uma maratona! Os 214 km são divididos em 6 etapas que são percorridas em 7 dias. Pelo jeito, você enfrenta diversos obstáculos, fica coberto de lama, atravessa rios, pula-se por cima de troncos de árvores caídas... e tem que carregar consigo a sua alimentação, água, rede para dormir, kit de medicamentos... e parece que pessoas de várias partes do mundo participam desta aventura!
Dados:
Distâncias: 214 km e 101 km
Data da realização: entre 7 e 16 de outubro de 2010
Participantes: 104 participantes
Tempo máximo permitido: 85 horas (214 km) e 44 horas (101 km)
Porcentagem de participantes que terminam a prova: 62%

Na página seguinte, encontrei a foto de uma maratona em cima da Muralha da China! Você enfrenta 5.164 degraus de escadaria! A mensagem do realizador da maratona diz: "Quem pensa que é fácil, nem entre nessa!" Com certeza, as dificuldades deste percurso nem se comparam às de uma maratona "normal"! Tem que se preparar muuuito!
Dados:
Distâncias: 42.195 km, 21.0975 km e outras distâncias
Data da realização: 15 de maio de 2010
Participantes: 1.420 participantes
Tempo máximo permitido: 8 horas
Porcentagem de participantes que terminam a prova: 96%
E mais adiante, encontro algumas dicas sobre treinos!
Rsrsrs. O senhor com a vassoura na mão diz "Gue!" (Credo!), e o passarinho diz: "Dami da, korya!" (Isto não vai prestar!). E embaixo, encontramos a dica: "Mesmo correndo a mesma distância, se correr de qualquer jeito, você pode gastar o dobro da sua energia. Para se manter uma corrida agradável, tem que se manter uma postura correta. Mas, do que temos que nos conscientizar ao correr? Eis a questão!". Rsrs. E seguem-se mil dicas, nenhuma novidade, mas que temos que treinar para colocarmos em prática! O mais difícil é esta parte: a prática!
E vejam este desenho!
"Koshi ga amai!" (O seu quadril está fraco!), "Ossoi!" (Tá lento!), "Kore shiki no kunren ni taerarende doo suru!!" (Como não aguenta nem este tantinho de treino?!!). Rsrsrs. E lá vem o recado embaixo: "Vai tentar correr uma maratona! Para adquirir mais resistência, aumenta-se a distância e a velocidade do treino de repente. Mas, será que não teria uma forma de treinar mais eficaz? Eis a questão!". E lá vem as dicas que todos nós devemos saber, mas que são muuuito difíceis de colocar em prática, muitas vezes por falta de tempo mesmo! São coisas que vemos escritas em quase todas as revitas de corrida, como: fazer um planejamento adequado, não ficar correndo sem planejamento pois isto não vai fazer você aumentar a sua resistência, etc.
Pois é, gente, quem já treinou para uma maratona, sabe que temos que ser disciplinados nos treinos. E quem já correu muitas, sabe que cada qual tem o seu estilo de treino. Na minha modesta opinião, tudo é questão de planejamento e disciplina, mas acima de tudo, de gostar do que faz! Já pensou se vamos aos treinos obrigados? Não, muito obrigada! Prefiro não ir se for assim! Rsrsrs. Ai, agora, tenho que dormir! Amanhã, tem treino! Rsrsrs. Oyassumi nasai (Boa noite, bom descanso)! Ah, vou ao treino porque quero, viu? Rsrs.

12 comentários:

  1. Pelo visto esta revista é a minha cara, ainda mais falando sobre maratonas e ultras, legal se tiver mais alguma ae poste as dicas aqui para nós aprendermos mais ainda...Pois o meu vizinho Márcio Villar (www.marciovillar.com) já correu essa aventura na Amazônia ela é bem punk e ele disse que numa noite correndo deu de cara com uma onça é mole...rsss...Inclusive ele tatuou na panturrilha dele algumas ultras que ele fez e essa da Amazônia é uma delas...
    Bons treinos.

    Jorge Cerqueira
    www.jmaratona.com

    ResponderExcluir
  2. Caramba, o Lucena está famoso, virou capa de revista no Japão! rsrs

    Como disse o Jorge, a nossa na selva é a http://www.junglemarathon.com/. Coisa para poucos. Como os japoneses dizem tanta coisa com tão poucas letras...esses "hieroglifos" são fantásticos.

    ResponderExcluir
  3. Só vc para nos ajudar com infos em japonês, heheheh
    bjs.

    ResponderExcluir
  4. Putz, que passarinho mala! Tomara que alguém dê alpiste estragado pra ele, hehehehe...

    Muito interessante a revista, valeu por compartilhar as informações dela com a gente, Mayumi!

    Bjs, bons treinos pra você!

    Fábio

    ResponderExcluir
  5. Mayumi,
    Obrigado pela visita e comentário que você fez lá no blog que escrevo.
    Muito agradecido pelas palavras !
    Muito bacana esta sua postagem.
    Interessantíssima, por sinal.
    Parabéns !
    Ass.: Guilherme.

    ResponderExcluir
  6. mayumi desse jeito voce me desanima DE VEZ (rs)

    valeu!

    nadais

    ResponderExcluir
  7. Essa maratona da muralha da China acho que é a mesma que o Lucena fez e escreveu no Maratonando. De fato, é "pesada".
    Interessante essa publicação japonesa. Parece que temos corridas para todos os gostos.
    Bons treinos
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Oi Mayumi! Muito bacana esse Post! Lembrei de cara do Jorge (ultramaratonista) na parte da corrida na Amazonia!! Essa é para poucos!!! A da Muralha da China então...nem pensar...
    Abraços.

    Felipe de Souto

    ResponderExcluir
  9. Como é mesmo o nome desse passarinho, Mayumi?

    ResponderExcluir
  10. Das Maratonas que corri, só uma foi de aventura e não sinto vontade de voltar a correr outra, prefiro as Maratonas em estrada, areia, asfalto, subida, descida, mas nada que tenha que escalar, saltar, nadar, pular.

    ResponderExcluir
  11. Adorei os desenhos! rs
    não tinha idéia que acontecia uma competição desta aqui na amazônia e ficamos sabendo por uma revista japonesa! O meu joelho tá melhorando, deu umas fisgadas ontem no treino, mas depois de um tempo "não senti mais nada"! rs
    abraços!

    ResponderExcluir
  12. OI Mayumi, eu sempre achei muito interessante esses caracteres japoneses e admirei as pessoas que conseguem lê-los. Uma vez eu tentei aprender... mas é muito difícil... a patroa perdeu a paciência comigo... A revista parece legal, sempre que vejo uma revista de corrida em japonês lembro do Hideaki...

    Abraços

    Marcos

    ResponderExcluir