20 de nov de 2011

Meia-maratona e Passeio Ciclístico

Neste final de semana, ocorreram várias provas. Difícil foi a escolha! Optei pela meia-maratona do Circuito Athenas, um percurso que tinha feito no ano passado. Os treinos foram feitos almejando correr esta prova, conforme escrito na planilha.
O dia de sábado foi bastante corrido. Levantei-me às 5h30min para ir ao laboratório fazer um exame de rotina. Na sequência, fui buscar o kit na arena da prova. Como tinha combinado com meu vizinho que eu ia pegar o kit e ele me dava carona no domingo, lá fui eu! Só não sabia que ele era Top 300, ou seja, homens que fazem tempo abaixo de 01h45min nesta meia-maratona, e que a fila do kit era separada. Lá estou eu na fila e o pessoal dizendo: "É a fila do Top 300, aqui!". Sim, eu sei! Rsrsrsrs. É, não tem jeito, não tenho cara de quem corre rápido! Kkkkk. Uma hora, quando vieram checar de novo se eu estava no lugar certo, eu disse: "O kit é pro meu vizinho!". O rapaz de trás riu! Rsrsrsrsrsrs.
Na arena, encontrei o Antonio Colucci e o Norberto. Aproveitamos a estrutura que oferecia café, barrinhas, água, meias de compressão e uma lojinha com produtos Mizuno.
Colucci, eu e Norberto
As meninas do café Pilão em sachês! Muito bom!
Barrinhas de cereais! Hummm.
Olha o Colucci sendo entrevistado pela Mizuno!
Espaço da Gilette
Água Crystal
Loja da Mizuno
Marcelo Jacoto na fila do kit
Bruno trabalhando
Kit pego, hora de ir para a feira, supermercado... tinha a formatura de um curso de português dos meus sobrinhos à tarde, cortar cabelo, prestigiar o evento de yakisoba da minha mãe à noite... e voltar cedo para casa para descansar!
Hoje, saímos de casa às 05h40min. Deu tempo suficiente para chegar, trocar a camiseta... encontrei a Jacke! Prazer em revê-la! E parabéns pelo ótimo resultado!
Eu e Jacke Gense
Elio Okazaki, o vizinho Top 300, e eu
Hora de alinhar para a largada. Fui com Marcelo Jacoto para o setor de 7min/km. Eu ainda disse para ele ir lá para frente, mas ele preferiu largar atrás! 
O objetivo hoje era correr ritmado, ou seja, em um ritmo constante. Porém, como não tenho o costume de olhar para o cronômetro, então, na maioria das vezes, não sei se estou mantendo o ritmo! Tenho a tendência de sempre correr mais devagar no final.
Mas, hoje, tive uma grata surpresa. Após passar o km 2, o Caloi aparece por trás e diz que vai me acompanhar! Imagine! Este cara corre muito, é da elite! Se ele me acompanhasse, ele ia ficar com a panturrilha doendo pro resto do dia, de tanto ficar freando! Rsrsrsrs.
O pior é que ele estava falando sério! Rsrsrs. Disse que desceu do trem quando ouviu a largada e veio correndo e se aquecendo da estação até me encontrar. Seguiu-me por 2 km para "verificar" o meu ritmo e somente depois veio falar comigo! Rsrsrs. Foi ele que marcou as minhas parciais, km a km! E dizia: 12 segundos mais devagar, 7 segundos mais rápido... putz, nunca tinha me dado conta! Pegava água, abria, incentivava os outros participantes, uma hora, encontrou uma menina caminhando e ensinou-a até a respirar e continuar correndo! Tirou fotos para um casal, na placa do km 18... enquanto isso, eu mantive o meu ritmo, não parei porque tinha a certeza de que ele sempre me alcançaria!
E foi assim... até o km 18,5. Estava entrando em alfa quando tropecei em um olho de gato e "katapluft"! Deitei no chão! Kakakaka. O Caloi levou um susto! Levantei-me. Ele disse para eu levantar os braços e respirar fundo! Na terceira inspiração, eu disse: "Tá bom, né? Vambora!" Rsrsrsrs. Voltei ao ritmo. Mas acho que isso só foi possível porque ele estava lá! Cada problema com uma solução! O que a técnica não faz, não? Esta é a aprendizagem in loco
Bati o meu recorde pessoal na meia-maratona! O meu melhor tempo nesta distância tinha sido a da meia-maratona de São Bernardo do Campo, em 2008. Depois disso, nunca mais tinha feito um tempo menor... na época, tinha feito em 02h11min... quase 12 min. Hoje fiz em 02h08min16seg, uma diferença de mais de 3 minutos do meu melhor tempo há 3 anos. Ô professor, quem disse que com o tempo, tudo cai? Kkkkkk.  Porém, fiquei com dor de cotovelo! Vejam! Rrsrsrs.
Ô dor de cotovelo! Rsrsrs.
A premiação do masculino
Eu com a medalha... ficou faltando o miolo! Quem sabe, um dia eu completo uma!  
Eu e o apoio Caloi! Muitíssimo obrigada!
Ao retornar à tenda do Branca, o Marcelo Jacoto comenta com o Caloi: "Você disse que era para a Mayumi dar o sangue e ela se esfolou toda?". Kakakaka.
Caloi e Marcelo Jacoto
Livia e Edson
Cristiane, Bruno e Emerson... além deles, os profs. Nilton e Rogério também estavam trabalhando.
 Um segredinho: "Além, é claro, do incentivo do Caloi, quando caí e fui me levantar, veio à mente a frase escrita na camiseta do evento. 

Caiu? Levante-se e siga em frente!
Prova terminada, voltei de carona com o Elio que, por sinal, ficou me esperando um tempão, já que fez a prova em 01h42min! Parabéns! Desculpe-me pela demora!
O Caloi não existe! Olha a simpicidade e a humildade do e-mail dele, hoje, depois da prova:
"Olá minha amiga Mayumi. Hoje, eu tive um dia especial e maravilhoso, foi uma grande honra, prazer, alegria e experiência ter feito esta prova com você.
Me senti um vencedor, graças a DEUS. Sofri? É claro que sim, mas foi ótimo! Meus parabéns, você correu direitinho, bem coordenada, bom ritmo e postura firme. Agora você merece um bom descanço e um bom final de domingo."
Isto vai me fazer treinar direitinho para o próximo desafio! Sem neuras, sem afobação e principalmente, focado nas técnicas para uma corrida confortável.
Tomei um banho rapidinho, enquanto a máquina de lavar lavava as roupas. Troquei-me e saí para prestigiar o Edu (in)Sano no 2º Passeio Ciclístico! Casa cheia, como sempre, e encontro a Vera e o Edson, a Monica (é claro), o Colucci, o Vicent Sobrinho e a Mariana. 
Runner Cafe lotado
Edson e Vera
Edu trabahando
E Monica também!
Colucci que disse que correu 10km no Athenas por medo de cair da Ponte Estaiada! Rsrsrs.
Ele fez a Nike SP-Rio 600km de van! Kkkk.
Vicent Sobrinho e Mariana
De volta para casa, o corpo começa a esfriar e começo a sentir dor de cotovelo e dor nos braços... tinha que me exercitar, esticar os músculos para não ficar doendo pro resto da semana! E para isto, nada melhor que... estender as roupas no varal!!! Rsrsrsrs. Muito bom! 
Final do dia, hora de descansar, né? Esta semana promete! Bons treinos! E parabéns a todos que "enfrentaram" alguma prova neste final de semana! Com diz o rap do Branca...
Tá com medo? Por que veio? Rsrsrsrs.

15 de nov de 2011

Chuva não atrapalha treino de kitigai

Fala, galera! Tudo em cima? Primeiramente, queria parabenizar o Guilherme Maio pela sua maratona em Nova Iorque! Excelente tempo, excelente prova! Foi mais que merecido o seu sub-4h, aliás, 03h52min! Adorei ouvir a sua versão sobre a prova no Runner Cafe!
Edu Sano e Guilherme Maio
Hoje, São Pedro não deu trégua a São Paulo! Começou cuspindo e depois abriu a torneira com tudo! Rsrsrsrs.
Dia de feriado, dia de colocar as coisas em ordem! Na verdade, fiquei pensando se eu ia treinar ou não. Tinha marcado um exame de ultrassonografia da tireóide e também um exame de sangue específico, tirei 8 tubinhos de sangue! 12 horas de jejum e lá fui eu para o laboratório, às 5:30 da manhã! Mas depois do exame, comi tudo que tinha direito na lanchonete do laboratório e depois na lanchonete perto do Ibira! Rsrsrsrs. Ai, que fome! Kkkkk. Por falar em fome, sábado foi o dia da vingança! Mordi a pera da Sinara! Aaah!
 Pois bem, hoje, depois de comer, dei um tempinho para a comida assentar, olhei para a chuva... li mais um pedacinho do livro do Fábio Namiuti... como vi que tinha condições de sair correndo, lá fui eu! Logo no início, encontrei a dra Selma Nakakubo já correndo a mil! 
Dra Selma treinando na chuva
Mais uma voltinha e encontro a Walkiria Milaine em sua bicicleta acompanhando a Juliana Ferrari, na maior chuva, e grita: "Mayumi, passa na Marquise! Hoje estamos comemorando o 2º aniversário da Corre Brasil!". Nossa, o pessoal estava fazendo uma gincana de comemoração! Encontrei muito amigos, todos ensopados! Rsrsrs. Augusto, parabéns pela equipe! 
Prof Augusto e sua equipe Corre Brasil
Adriana Frasson e Rodrigo Tandaya
Juliana Ferrari depois de correr
Diego Ciarrocchi, eu e Maurício Nobrega
Tomiko Eguchi
Outra voltinha no parque e encontro a turma do Branca, ensopadíssimos, terminando o treino!
Eles pensam que eu sou fiscal do mestre, pois fotografo-os treinando! Kkkkkk.
Se eu sou fiscal com minha câmera, e este aqui? Edu (in)Sano com sua filmadora! Rsrsrsrsrs.
De repente, deu pane no Garmin e no celular, que até então tinham se comportado bem! Se assustaram com a chuva e desmaiaram! Rsrsrsrs. Eu tinha "conversado" com os dois antes do treino e disse que eles não iam se molhar! Mas, enfim... rsrsrs. 
Aaaai, como vou pular uma poça deste tamanho com minhas curtas pernas?! Kkkk.
A minha visão na primeira volta estava assim! Kkkkkk. Muita chuva!
E nessa brincadeira, acabei fazendo 5 voltas de 3 km e mais um pouquinho por conta das voltinhas para tirar fotos... e como o Garmin não marcou... bem, devo ter cumprido o treino! Na planilha estava escrito "15 km, se cansar, caminhe!" Caminhar?! Nessa chuva? Rsrsrsrs. Não, prefiro correr! É que o mestre tinha estipulado 18 km leves no sábado, mais 12 km médio-forte no domingo. E como ontem foi dia de musculação, hoje... rsrsrsrs. Vamos ver o que me espera na quinta e no sábado! A km está oscilandoOoOoO!!! Rsrsrsrs.
Ainda estou para descobrir qual é a diferença entre um banho de chuveiro frio e sair no meio da chuva para se molhar! Do primeiro, eu não gosto, mas o segundo até que é legal! Rsrsrs.
E a todos os kitigais que saíram hoje para treinar: lembrem-se de tomar óleo de peixe para não ficarem gripados! Bons treinos!

9 de nov de 2011

Honestidade

Gente, sei que o assunto não tem nada a ver com corrida, mas esta atitude não pode deixar de ser registrada aqui.
Ontem, era dia da nossa colaboradora vir fazer uma limpezinha básica na casa e passar roupa, o que acontece uma vez por semana. 
Ela sempre foi muito educada e há algumas coisas que gosto muito nela. Por exemplo, ela nunca mexe em nada que tem na geladeira, traz a sua própria toalha de rosto para usar e traz a sua marmita para comer. Não come nada que você deixa na cozinha, a não ser que você deixe escrito que é para ela. Uma vez, deixei uma barrinha de chocolate em cima do pagamento dela. Ela levou o pagamento mas deixou o chocolate. Ao perguntar sobre isso, ela disse que, como não tinha certeza se era para pegar, resolveu deixar!
Ontem, ao voltar para casa, encontrei em cima do armário da cozinha R$5,00 e um recado. 
 E agora, estou aqui, com este dinheiro e esperando alguém vir buscar. Sei que a minha colaboradora é uma pessoa que está precisando de dinheiro para fazer tratamento dentário! Eu até arranjei outras casas para ela trabalhar, pois ela tinha alguns dias vagos. Mas nem por isso ela pegou este dinheiro para si! É questão de honestidade e caráter! 
Outro dia, ouvi uma história que fiquei horrorizada! Havia um aluno de uma escola que foi entregar um estojo que ele tinha achado na sala de aula. Parece que a professora tinha dito a esse aluno que "achado não é roubado" e que por isso, ele deveria ficar com o estojo para ele! Que tipo de educação é essa? Como em um dos comentários da postagem anterior, vamos acreditar que um dia a educação vai mudar por aqui!

6 de nov de 2011

Adoro locais limpos para treinar!

Esta semana, o mestre foi ao evento PR 100 Ultramaratona Internacional-Caminhos Históricos de Quatro Barras e nos deixou uma planilha completinha para cumprir! E ainda deixou 2 chicotes: a profa Sinara e o prof. Marco! Rsrsrs.
Como hoje tinha uma prova de 10 km, a Track & Field Shopping Villa Lobos, eu perguntei à profa Sinara se haveria alteração no treino de ontem que eram 22 km leves. E a resposta que obtive foi: "Boa noite, Mayumi. Mantém o treino. Beijo! Até amanhã.". Kkkkkkk. Viu só como funciona o chicote? Rs. O jeito foi fazer os 22 km. Mas comecei o treino tarde, de modo que começou a esquentar, esquentar... então, coloquei na minha cabeça que era um treino para ver se eu aguentaria o clima de Pampulha. Fui terminar tudo lá pela hora do almoço! Rsrsrsrs. Quem mandou ficar tartarugando? Rsrsrsrs.
Ah, sim, estava falando de lugares limpos para treinar! Não é indireta ao mestre que nos leva à pista de carvão, viu? Kkkkk. Vocês podem não acreditar, mas olhem só os banheiros "públicos" do Parque do Ibirapuera! Não é a toa que a vó Lucina diz que só consegue fazer as necessidades aqui e na casa dela! Eu também! Kkkkkk.
Após o treino, fui dar uma voltinha para tirar fotos! 
Banheiro localizado dentro do parque, perto da Marquise
Os papéis higiênicos são cuidadosamente cortados e enrolados
Banheiro da pista de cooper
E ainda tem gente muito legal por lá, que preserva e ajuda a melhorar tudo isso! Um dos exemplos é o sr. João da Mata que vende água na entrada da pista de cooper e traz o seu relógio para deixar pendurado! 
Sr. João da Mata. Ao fundo, o relógio dele.
A pista de cooper com uma volta de 1,5 km
A arte presente dentro do parque
Modelo de ônibus ecológico exposto no parque.
 Hoje, domingo, o "treino" estipulado eram 10 km leves. Porém... com o clima da prova, sem muvuca e muita gente nos ultrapassando, acabei acelerando mais do que o normal dos meus treinos leves. Sorry, mestre! Eu sei que vou levar um puxão de orelhas! Rsrsrsrs. Apesar de tudo, não encontrei muita gente conhecida... Na reta final, avistei a Jackelyne Gense e lembrei-me de que ela estava em busca de um sub-60! Acelerei para nos escorarmos uma na outra nos apoiarmos mutuamente! Eu disse: "Jacke, sub-60, sub-60! Vamos!" E terminamos a corrida de mãos dadas! Iuhuuuuuu! E hoje é o aniversário dela! Quer mais privilégio que terminar uma prova junto com a aniversariante do dia? Eita!!! Mil parabéns para a Jacke, que além de trabalhar o dia inteiro, é mãe de 3 filhos e ainda arranja tempo para correr! Eu no lugar dela já estaria lambendo o chão de canseira! É por isso que EU preciso de um chicote! Kkkkk.
Alongamento dentro do Shopping. Aqui também tem banheiro limpo! Rsrsrsrs.
 Terminamos a prova e fomos procurar os amigos para tirar fotos, mas não encontramos mais o Regis! Eu o tinha encontrado antes da prova, mas não registramos o encontro!!!  Onde é que o senhor foi parar? Cansou de nos esperar? Kkkkkkk.
Joseane Silva, atleta Scania-Branca Esportes que recentemente concluiu Bertioga-Maresias (75km) solo. Parabéns!!!
Jacke, eu, Laercio do Vale e Eduardo, amigo do Laercio
Well, agora, vamos ver o que temos para a semana que vem! E lá vem outra bomba! Rsrsrs.