31 de ago de 2008

Rio de Janeiro...

Fazia um tempão que eu não ia ao Rio, mas esta semana, calhou de ter um evento do trabalho lá... escrevi para os nosso amigos virtuais e reais (como diz o Jorge maratonista) cariocas, dizendo que eu iria passar rapidamente por lá e não ia dar tempo de encontrá-los. Mesmo assim, no dia em que cheguei (quarta-feira à noite, às 20:30), recebo uma ligação logo ao desembarcar, do nosso amigo Leo Hacidume, dizendo que ele estaria chegando ao Rio naquela hora também, e que iria ao hotel onde estaria me hospedando, juntamente com o Paulo Massa! Gente, muito obrigada pela gentileza! Eu realmente, não estava esperando encontrar ninguém, devido o adiantado da hora e porque no dia seguinte ia sair do hotel às 6:45 e ia chegar somente às 22:30... ou seja, só iria ao hotel para dormir. No dia seguinte, sairia na mesma hora pela manhã e iria voltar direto da UFRJ para o aeroporto Santos Dumont... realmente, estava com o horário bem apertado. Tanto é que não deu nem tempo de treinar! Arthuuur, antes que você me diga: "Como você foi encontrar os seus amigos e diz que não deu tempo de treinar?", estou aqui postando o que foi que aconteceu, realmente! Rsrs. Viu só, eu não minto! Olha a única foto que tiramos:E ainda, no evento que participei na UFRJ, num coffee break, peguei dois professores, colegas de profissão, conversando sobre a minha participação em corridas! Foi muito engraçado! O professor Alexandre, na época da faculdade, chegou a correr 20 km, mas hoje ele não corre mais, ou melhor, estamos tentando fazer ele voltar a correr, tanto é que no ano passado, ele correu a Super 40 conosco! E Elisângela, professora do Rio, pelo jeito, não tem muita afinidade com este esporte. Vejam só o papo deles:
Alexandre: "É, a Mayumi-sensei (professora Mayumi) já correu até meia-maratona!"
Elisangela: "Mas, por que MEIA-maratona? Porque ela é pequenininha?"
Kkkkk. Elisangela, eu só a perdôo porque você não tem afinidade com este esporte, mas MEIA-maratona, não é meia-porção de comida, nem meia-entrada de cinema! Rsrsrs. Está certo que sou pequenininha, mas não é por isso que corro só MEIA-maratona! Kkkkk. Esta menina... Olha a foto dos dois professores de japonês que eu tirei forçadamente! Rsrsrs.É... para você verem, até nos banheiros públicos, a gente tem locais apropriados para pessoas de baixa estatura! Vejam só o que eu encontrei escrito na porta de um banheiro: Rsrs, mas acho que era para crianças...
Nesta semana, perdi um treininho só, que foi a de quinta-feira (10 km no trote), mas o longo, eu fiz ontem, sábado, tremendo de frio (só no começo), no Parque do Ibirapuera. Arthur, você tinha me pedido para fazer mais que 28 km. 28,5 km é mais que 28 km, certo? Rsrsrs. Mas, fui além, fiz 10 voltas de 3 km, totalizando 30 km. O Parque do Ibirapuera, ontem à tarde, estava vazio! Um vento cortante e um chuvisco fininho, muitos vendedores de bebidas indo embora, e alguns corredores kitigais correndo. Talvez o parque estivesse vazio por causa da corrida da Nike, hoje, mas o frio também deve ter espantado muita gente. Bem, eu teria que estar lá mesmo, pois a maratona está aí, batendo as portas. Se eu não treinar, não a completarei! E para me lembrar de quanto tempo ainda disponho até lá, tem gente fazendo contagem regressiva comigo! Querem ver?
Valter Ide nos comentários do blog:
"Mayumi, só passei para dizer que faltam 67 dias para a sua corrida....Gambatte (se esforce)!"
Dona Neide Satoru via e-mail (esta mulher nunca me escrevia via e-mail, mas agora, olha só a desenvoltura dela com as correspondências eletrônicas!!!):
" ...Você não se importa? TÔ pegando bonde no treino... treino virtual é bom... não cansa!!!! RSRSRSRS...XDDDDDDDDDDDDDDDD HUMMMMMMMMMMMM a contagem regressiva está nos 65 dias-acertei? É isso ai, maratonista internacional! Vai buscar a medalha em Nova York que ela já é sua!!!! A gente estará torcendo por você e aplaudindo!!!!!! BJJJJJJJJJJJJJJJJ. Neide Satoru"
Obrigada, pessoal. Não fosse por vocês, acho que não estaria tão empolgada em fazer estes treinos! Não desmerecendo a força de vontade do Arthur que prepara os treinos, e a fiscalização da minha nutricionista! Enquanto a maioria em casa se preocupa comigo dizendo: "Você vai treinar no chuvisco? Vai ficar gripada, hein?", ela diz: "Temos que cuidar da sua imunidade. Vamos ver a sua alimentação!" É isto aí! Alimentação é tudo! Vejam o blog do Jorge maratonista! Para finalizar, deixe-me colocar aqui uma foto do evento no Rio! Eu corro, mas trabalho, também! Rsrsrs. Boa semana para vocês!

24 de ago de 2008

Treino, Câncer de Mama e Running Show!!!

Ai... 70 dias para o grande dia! Querem ir comigo? Rs. Olha, quem quiser assistir "filminhos" sobre a Maratona de Nova Iorque, vá ao blog do Valter Ide! Ele colocou tanto o percurso da maratona em velocidade acelerada, quanto a torcida pelas ruas focando momentos realmente emocionantes! Confiram! Por falar nele, na sexta-feira (22 de agosto) pela manhã, resolvi entrar mais tarde no trabalho e treinar o meu longo, uma vez que no sábado, eu iria trabalhar e não conseguiria treinar. Fui ao Parque do Ibirapuera e quando estava fazendo a minha segunda volta de 3 km, encontrei o Valter começando o seu treino. Perguntei se ele ia fazer um longo e fui acompanhá-lo. Para mim, estava ótimo, pois além de ter companhia naquele treino que seria um tanto quanto maçante, eu corri por um percurso diferente daquele "círculo" de 3 km que eu pretendia fazer por 9 vezes e pouco! O meu treino era de 28 km. Só que, para ele... rsrsrs, acho que acabei atrapalhando um bocado o seu treino (confiram o blog dele)! Obrigada pela paciência, Valter! Rs. Acho que da próxima vez que ele me avistar, vai fugir de mim para eu não atrapalhá-lo mais! Kkk. Depois que o Valter terminou o seu treino, ainda fiz mais 5 voltas de 3 km. Não consegui memorizar o percurso do treino dele (Confiram o percurso no blog dele. Para mim, que sou totalmente sem noção de direção, foi muito complicado! Rsrs.) No total, deve ter dado uns 29 km.
Ah, encontrei também, a Kelly (ela trabalha comigo), que correu a sua primeira corrida de rua hoje! Ela também foi treinar lá no Ibirapuera na sexta de manhã! E também, foi pegar o nosso kit no dia anterior! Muito obrigada!
No final do treino, avistei um rapaz se alongando ao meu lado... sempre o via correndo em direção contrária à minha, mas nunca cheguei a conversar com ele. Na sexta, porém, por curiosidade, resolvi perguntar a ele se já tinha corrido alguma maratona. E ele disse que sim, e foi falando: "Corri a de São Paulo, a de Curitiba, a de... a de Nova Iorque..." Quando ele disse "Nova Iorque", eu arregalei os olhos e já fui perguntando o que ele achou. Ao ouvi-lo falar, eu já tinha notado que ele corria há muito tempo e resolvi perguntar há quanto tempo ele praticava este esporte. Ele disse: "Há mais de 20 anos". Ao ouvir isto, os olhos da japonesa aqui, ficaram mais redondos que bolinha de gude! Quase caí de costas! Rsrsrs.


Da direita para esquerda: Yuki, Fabiano, Kelly, Vera, Arthur, e na frente, eu! Nem precisava agachar! Rsrs.

Sobre a corrida de hoje, eu corri no meu máximo! Mas logo no início, já fui ultrapassada por um anão... poxa, como pode correr tão rápido? Tenho que aprender também! Rsrs. Eu pus na cabeça que eu ia correr do câncer para ele não me atacar mais! Nem parei para tomar água, fui tomando água e correndo no mesmo ritmo! Corri em ritmo constante até o final. Rs. O Arthur tirou uma foto minha correndo.

Olhando esta foto, eu até comentei: "Olha só, passadas largas e pisando até a ponta dos pés!" E ele, muito rigoroso, disse: "É, mas olha a ponta deste pé da frente para baixo! Tem que pisar com o calcanhar primeiro!" Eita!!! Kkk.
Parabéns a todos pela prova, em especial à Kelly que correu pela primeira vez uma corrida de rua! E não fez feio, não! Ela disse que até sonhou no dia anterior com isto! Olha só o recadinho dela para mim:
"Mayumiiii, peguei os kits, tá... amanhã eu levo de manhãzinha!!! Nossa, eu cheguei a sonhar com a corrida!!! Kkk... sonhei que peguei o percurso da caminhada e não da corrida, já tava chorando no sonho!!! Hahahaha.... yarinaretenai koto suru kara... (é o que dá fazer coisa que não está acostumada a fazer...) ai ai... mas beleza, ashita ganbarou neh (vamos nos esforçar amanhã) !!!Bjos, té amanhã!!! Keh"
E para finalizar, olha os paulistanos mordendo a medalha (vide postagem anterior para entender de onde vem este ritual)!!! Rsrs.

Epa! Olha só o meu número de peito! É da etapa "Rio de Janeiro"!!! Estão vendo? O da Verinha também é! Rsrs.

Recado para o Jorge Maratonista: não fui depor sobre o câncer, pois o pessoal da organização não entrou mais em contato comigo! Aliás, não tinha ninguém depondo hoje! Fica para a próxima, ok? Domingo à tarde... e eu não tinha ido ao Running Show ainda! Era o último dia! Dei uma passada rápida por lá! Encontrei no estande da Playteam, o prof. Augusto da Playteam Trainer com a Walquiria Milaine que venceu a Alphaville Running hoje! Parabéns!

E na estande da Avia, estavam a Daniele e o Ricardo (presidente da Playteam). Ganhei até um kit com boné! Rs. O meu marido também ganhou! Obrigada, gente! Rs.

As novidades da feira? Bem, ela estava bem compacta! É que no ano passado, tinha dois andares da Adventure Fair, que era realizada no mesmo local, e este ano, ela está sendo realizada em local diferente! Mas eu achei o que eu queria: um gel anti-bolhas e anti-atrito que já começou a ser comercializado pelas lojas de artigos esportivos! É um produto de Curitiba!
Bem, então, agora, vou arrumar a casa, pois ela está de pernas pro ar! Rs. Bom descanso a todos!

21 de ago de 2008

O gosto da vitória!

Wladimir Azevedo, Paulo Massa e Gian Ramalho (RJ)
Leo Hacidume (RJ)
Oi, pessoal, vamos eleger o corredor carioca mais bonito da Terra? Rsrsrs. Não, gente, eu não seria tão kitigai assim de lançar um concurso tão ridículo, né? São todos uns gatos (e tem as gatas, também, mas não achei fotos adequadas para esta postagem), nem tem como eleger! Mas, o que será que eles têm em comum além da beleza, hein? Não sei se vocês perceberam, mas tem dois aqui que estão… mordendo a medalha??? Pois é… a pergunta que não quer calar é: “Por que os cariocas mordem a medalha que ganham na corrida para tirar a foto?”. Será que os não-cariocas fazem isto também? Eu, particularmente, não faço! Numa certa vez, depois de receber o kit, eu coloquei a medalha dentro da bolsa, com o saquinho fechado mesmo, e fui me embora para casa. Depois, com a mesma bolsa, fui a uma festa de aniversário, onde me perguntaram como eu tinha ido na corrida. Daí, eu me lembrei que tinha colocado a medalha dentro da bolsa e fui abrir o saquinho para ver como ela era! Rsrsrs. Mas, alguém poderia me responder de onde vem este ritual da mordida na medalha? Rsrs. Perguntei ao Leo Hacidume sobre o assunto e ele disse: "Joga a pergunta no blog!". Obrigada pela sugestão e por não ter respondido à minha pergunta!!! Kkk. E aí, pessoal, alguém me responde esta? É bom o gosto da vitória? Hahaha. Vamos lá, gente, hayaku, hayaku (depressa, depressa)! Onegai shimasu (Por favor)!

17 de ago de 2008

Treino, corrida e churrasco no final de semana!

Socorro! Rsrsrs. Bem, como vocês viram, agora é contagem regressiva para NY! E toda vez que dou uma olhada nesta contagem, no blog do Valter, sinto calafrios! Rs. Hoje mesmo, já dei uma olhadinha! Ai, 77 dias! Rs. Como toda "grávida" de maratona, estou vomitando! Rsrsrs. Vomitando km de treino! Estou correndo muitos km por semana... Olha o papo:
Arthur: "Você não está sentido dores nas panturrilhas ou no joelho?"
Eu: "Eu não. Por que? É para sentir?"
Arthur: "Não, se estivesse sentindo, seria um sinal de que teria algo errado!"
Eu: "Então por que pergunta? Rsrsrs."
Contagem regressiva combina com marcha reversa? Rs. No sábado pela manhã, no treino técnico com o Arthur, ele disse: "Agora, correndo de costas!" Como??? De costas? Hahaha. Lembrei-me da Meia-Maratona de São Bernardo, mas ao mesmo tempo fiquei pensando em como os corredores desta corrida de marcha reversa podem correr sem tropeçar nos obstáculos... segundo o Arthur, há vários fiscais orientando os corredores. Ele não entrou em detalhes, mas brincou: Num curso que a gente fez, tinha uma propaganda sobre uma corrida destas em Jundiaí e o pessoal estava falando que no kit da corrida deveria vir um espelho retrovisor para ser usado na corrida! Rsrsrs.
Sábado à tardinha... a convite do meu primo, fui participar de uma corrida diferente. Conheci um mundo diferente de corridas e atletismo: "Confraternização Internacional de Atletismo Master em Comemoração ao Centenário da Imigração Japonesa no Brasil". É Harry, não teve ainda uma corrida nos moldes "normais" homenageando o centenário da imigração japonesa, mas houve este evento. Mas, o que seria isto? Sei que na programação que recebemos, o evento seria realizado nos dias 16 e 17 de agosto (ontem e hoje), e haveria desde provas de salto com varas, salto triplo, salto em distância, até corridas de 100, 200, 400, 800, 1500 e 5000 metros. Nem sabia quem estaria participando ou como seriam realizadas as provas. Porém, chegando ao local (Conjunto Desportivo Constâncio Vaz Guimarães-Ginásio do Ibirapuera), encontrei várias pessoas conhecidas: o meu primo, logicamente, os filhos dele, uma professora de japonês de Registro-SP com sua família, dona Tomico More Saito a velhinha de 82 anos que sempre participa de corridas, a Ana Luiza dos Anjos Garcez, a "Animal"!!! Olhem as fotos:

Ops! Acho que eu entrei numa fria! A "Animal" é da mesma categoria que eu (45 anos) e vai correr os 5000 metros, sendo que há somente umas 40 e poucas inscritas??? ÔoÔ. E ainda, na arquibancada, tem muita gente conhecida! Rsrs. Bem, deve ter algumas meia-pangarés como eu, assim espero! Rsrsrs.
Antes da minha prova, tive o prazer de assistir o meu primo, Marcos Ryoji Okamoto, participar da prova dos 200 metros. Em 1977, ele foi recordista sulamericano infanto-juvenil em provas de curta distância.
Atualmente, eu nem tinha noção de como ele estava de treino, mas pelo jeito, continua o mesmo! Olha só: terceiro colocado na categoria! Parabéns, Marcos!!! Como vocês podem ver, na nossa família tem as meia-pangarés como eu e tem também os atletas de verdade como o Marcos! Rsrsrs. Olha a premiação:
E eu? Bem, corri e consegui terminar! Rsrs. Recebi um telefonema agora há pouco do Marcos dizendo que fui a 7ª colocada na categoria, com o tempo de 27:09. Será que fui a última? Rsrs. Não importa! Eu corri no meu máximo, porque toda vez que passava em frente à arquibancada, lembrava que tinha muita gente me vendo e me fotografando! Rs. A equipe da Anasp (a equipe do meu primo) foi a campeã em pontuação este ano! Parabéns!
Mas, o mais engraçado foi a chamada para a largada. Tinha várias categorias por faixa etária e a corrida ia ser realizada em duas baterias: de 50 até 85 anos, e de 30 até 45 anos (subtende-se até 49 anos). Quando eu estava esperando a nossa bateria, um rapaz da organização perguntou: "Você não vai? Tem certeza que não é a sua bateria?" Eu respondi: "Você acha que eu tenho mais de 50 anos?" Rsrs. Daí, ele ficou sem jeito e deu um sorriso amarelo. Mas quando anunciaram a nossa bateria, o locutor dizia: "Agora, atletas de todas as faixas etárias, lá na largada!" E o rapaz sem jeito, gritava: "Não, não é de todas as faixas, é até 45 anos! Até 45 anos!!!" Hahahaha. Hahahaha. Não precisa ficar desesperado, rapaz! Eu não fiquei ofendida! Rsrs.

É... a foto saiu borrada, mas é culpa da minha câmera! Arthuuuur, passadas largas e pisando até a ponta dos pés! Olhando para frente e com os braços flexionados! Rsrsrs. Muito obrigada por ter tirado as fotos, prof. Kaneko! Muito obrigada pelo convite, Marcos. E olha o kit! Tem até certificado! E... dois número de peito??? Rsrs. Não, um número de peito e um de costas! Rs.

Afff, depois do treino técnico e da provinha diferente, domingo é dia de relaxar... a Jacke organizou um churras, a pedido de muitas pessoas... então, quem não foi correr hoje, participou deste churras no Pico do Jaraguá! E olha só, foi no sistema "motiyori" como os japoneses falam: cada participante leva alguma coisa para comer! E sabem o que a Jacke me incumbiu de levar? "Oniguiri" (bolinho de arroz japonês)!!! Rsrs. Só a Jacke mesmo... E como não poderia deixar de ser, o assunto no churras foi o de sempre: corrida! Rsrsrs. Bom descanso, pessoal! Até mais!




9 de ago de 2008

Tem Running Show na cidade que não pára de correr!

Nos dias 21 a 24 de agosto, pelo terceiro ano consecutivo, estará acontecendo o Running Show na Bienal do Ibirapuera. Eu fui a esta feira nos anos anteriores e pretendo ir este ano também.
No ano passado, houve um concurso de frases utilizando o nome da feira, para quem comprasse o ingresso pela internet. O (a) vencedor(a) do concurso iria ganhar uma passagem ida e volta para a Maratona de Nova Iorque. Eu criei a frase do título desta postagem, e sabem o que aconteceu? Vejam com seus próprios olhos na página da Ativo! Não estava acreditando, mas eu tinha ganhado as passagens que a Turismo Kamel, do Rio de Janeiro, estava oferecendo como prêmio para este concurso! Agradeço de coração a todos os envolvidos nesta seleção!
Pronto, gente, estou aqui postando algo que muita gente já tinha me perguntado em off! Rsrs. No ano passado, quando a notícia foi parar no site da Ativo, o Juvenal da Playteam tinha postado sobre isto no forum da equipe. Eu fiquei muito assustada com a repercussão da notícia que pedi encarecidamente para abafá-la! E esclareci também que tinha ganhado somente as passagens para a maratona e que todo o resto eu teria que adquirir, ou seja, o pacote da maratona seria por minha conta. E o pessoal perguntou: mas, não foi o pacote todo que você ganhou? Rsrs. Nem a pau, Juvenal! Kkk. Até brinquei que eu estaria passando o chapéu de contribuição. Na verdade, por esta razão e porque estou treinando muito durante a semana, eu estou participando de poucas provas nos finais de semana. O treino está muito puxado, e fica difícil conciliar tudo, sem falar que agora, mais do que nunca, tenho que fazer uma economia de guerra para poder acabar de pagar o pacote! Rsrs. Portanto, gente, não me seqüestrem pois, além de estar "lisa", eu sou uma simples professorinha sonhando em correr a New York City Marathon!
Bem, então, vamos aos bastidores. Quem sabia desta notícia? A primeira a descobrir foi a Jackelyne, minha amiga da Run for Life, a quem devo agradecer muito, pois ela foi a mentora deste blog. Logo que saiu a notícia, ela escreveu para mim! Depois, foi a vez dos meus amigos da Playteam, pelo Juvenal. E, como não poderia deixar de ser, o Valter Ide, que correu duas vezes esta maratona, com muito boa vontade e paciência, tem me auxiliado a obter informações, não somente concernente à maratona, mas também sobre a feira, sobre Nova Iorque, hotel, café da manhã... economias que podemos fazer lá, emprestou-me vários prospectos, DVDs, e o próprio blog que tem dicas muito boas. Recomendo a quem quiser um dia correr esta prova.
E depois disto, nunca mais comentei nada com ninguém, mas... pelos meus treinos cada vez mais longos, muita gente me perguntou sobre quando eu estaria correndo uma maratona. Juro que nunca tinha pensado nesta possibilidade até ganhar esta passagem. E agora, me vejo treinando muito para poder concretizar isto!
Sobre as pessoas que souberam da minha participação nesta maratona mais recentemente, posso citar o Leo Hacidume e o Ricardo Hoffmann, do Rio de Janeiro. O Leo, como já postei há alguns meses, me acompanhou nos 4 últimos km dos 25 km da Corpore, no dia 25 de maio. E na época, ele treinava para poder correr a maratona do Rio, em junho. Ele me perguntou quando eu estaria correndo uma também, ao qual respondi que seria em novembro. E ele então, me perguntou qual seria a maratona. Eu poderia ter respondido que não tinha definido ao certo ainda, mas eu não sei mentir! Rsrs. Acabei falando, mas pedi para que não comentasse com ninguém. E desde o mês passado, o Ricardo Hoffmann fez a mesma pergunta por e-mail, mas antes de eu responder, ele acabou descobrindo em algum comentário, em meu próprio blog! Pedi para que ficasse quietinho também ("no sapatinho", como dizem os cariocas, segundo me ensinou Leo), que eu iria postar em breve sobre o assunto. E quando eu disse, olha, mais uma semaninha só! Ele me respondeu: "Pode me dar os parabéns por eu não ter dado com a língua nos dentes!" Kkk.
Bem, como vocês viram eu não consigo mentir! Aos que me perguntaram, eu respondi. E aos que não... também não falei nada! Mas, ultimamente, a pressão estava muito grande. Muita gente me perguntando por que eu não iria para fora de São Paulo para correr provas, se eu não estaria querendo correr alguma maratona em outro estado, enfim, a cada dia que passava, estava me sentindo cada vez mais como uma adolescente escondendo a gravidez dos pais! Rsrsrs. Que comparação mais estranha, não? Logo eu que nunca engravidei, agora estou "grávida" de uma maratona!!! Kkk. Estou fazendo até enxoval para corrida, comprando luva, legging, e principalmente, morrendo de medo das dores e do dr. Urso! Hahaha. O que mais precisa hein, "papais "e "mamães" experientes de maratona? Não podemos esquecer também da emoção, né? Todo mundo que completa uma maratona diz que não tem como descrever a emoção sentida... engraçado, falam igualzinho aos pais de primeira viagem! Rsrs. E ainda mais, hoje é véspera do dia dos pais! Por favor, não me repreendam! Estou precisando de conselhos e dicas... como uma futura mmm... maratonista! Rsrsrs. Feliz dia dos pais a todos!

7 de ago de 2008

Cidades maravilhosas... mas violentas...

Vamos reverter este quadro? Vamos pensar positivo!
A pedido da jornalista Cilene Guedes do Rio de Janeiro, com endosso do nosso amigo Jorge Maratonista, posto aqui sobre a campanha contra assaltos que alguns corredores estão enfrentando! Escrevam para a Cilene!
Podem enviar as mensagens para os seguintes e-mails:
pulso@oglobo.com.br
cilene.guedes@oglobo.com.br
Obrigada!

O blog do Valter sumiu!!!

Pessoal:
Vamos ficar atentos!!! Eu tentei acessar o blog do Valter Ide outro dia e descobri que ele tinha sido apagado! Ele me contatou pelo e-mail e disse que o blog dele foi marcado pelo servidor, por engano, como spam! Ele já pediu para restaurarem o blog e disse que no Blogger Help Group, viu que tem muita gente na mesma situação, ou seja, ficou com o blog sendo marcado como spam!
Tomei a liberdade de postar sobre o caso para que fiquemos atentos! Ele pede para avisar que está tentando restaurar o blog por conta própria e quando ele ficar pronto, que nos informa! Mensagens para ele, podem ser postadas aqui neste espaço, ok? Prometo publicar as respostas (se tiver) aqui, também! Obrigada!

3 de ago de 2008

Meia-maratona na chuva!

Hoje, acordamos com chuva! Ainda bem que não estava muito frio! Até separei as luvas para usar, mas não deu! Com o guarda-chuva nas mãos, chegamos ao local da prova de hoje: São Bernardo do Campo, região da grande São Paulo.
Como eu tinha dito a vocês, perdemos um jovem atleta da Playteam, e a equipe fez a sua homenagem, colocando um banner na frente da tenda. Foi também anunciado o luto da equipe pelos locutores.
Passei pela tenda da Play e olha quem eu encontrei lá: a Sherida Gianne Boetius! Esta menina de Suriname é mais kitigai do que vocês pensam! Ela mora em Uberlândia (MG) e vem quase todos os finais de semana para São Paulo para participar das provas!
Encontrei também o Rodrigo Tandaya, o Guilherme Maio, o Cleber, o presidente Ricardo e a sua esposa... e na tenda ao lado que era da Tavares, encontrei a dona Neide Hanaoka, que correu comigo em Suzano.
Na largada, eu avistei o Valter Ide e troquei uma meia dúzia de palavras, pois estava em cima da hora da largada. Ele disse que pensou que eu não fosse lá hoje! Valter, eu adoro correr na chuva! Posicionei-me no lugar das meia-pangarés, lá atrás e fui... Largamos com chuva! Que delícia! Refrescante que só! Falaram que esta meia-maratona tinha um percurso bem cheio de subidas e descidas, então já fui psicologicamente preparada para não ficar desesperada no meio do caminho, achando que não iria terminar a prova. O resultado é o de menos, se eu não me perdesse da turma no caminho e conseguisse chegar ao final, estava ótimo! Recado para o Arthur, meu treinador: não andei em nenhum momento, nem mesmo nas subidas e nem mesmo para tomar água ou gel de carboidrato, como foi o combinado! No momento adequado, eu peguei o gel e abri com os dentes (zup!) e o copo com água com os dedos (pow!), fui tomando o gel e trotando, não parei!
Avenida Kennedy... Avenida Senador Vergueiro... Avenida Francisco Prestes Maia... e de repente, um rapaz da organização grita: "Vamo, Mayumi!". Era o Marcio da Playteam trabalhando no evento! Como trabalha! É a segunda vez que encontro nas corridas trabalhando! Daí, encontrei o MM. Ele me perguntou: "Você conhece o percurso?" Eu disse que não, mas que tinha lido as dicas dele no site da Play. E ele disse: "Ah, beleza, agora se mantenha à direita pois o pessoal dos 5 km vai virar!"
Primeira subidinha! Avisto um rapaz que está correndo de costas e pergunto: É melhor assim de costas? E imediatamente, dei um "cavalo de pau" e me virei de costas também para ver se era legal. Segundo o SEU Mário que treina na academia, correr de costas na subida faz a gente sentir que está descendo! Rsrsrs. Só podia ser o SEU Mário. Por falar nisto, eu não o encontrei hoje... Daí, o rapaz de costas me diz: "Eu estou esperando um amigo meu! É por isso que estou de costas!" TÓIMMM! Desvirei-me rapidinho e fui embora! De repente... começa uma descidona e a meia-pangaré aqui, ficou sem freio! Senti que estava com a velocidade "alterada" pois na minha frente estava avistando um rapaz da Playteam, o Fernando Lemes e acabei passando por ele com tudo! Ainda olhei para trás e estendi o meu braço para ver se ele conseguia me segurar para eu ir mais devagar, mas parece que ele não me entendeu. Ele gritava: "Força, Mayumi!". Rsrsrs. Eu estava precisando é de um breque! Estava descendo desengrenada! Como o treinador "mandou" eu dobrar beeem os braços, fazer passadas largas, pisar com o calcanhar e olhar para frente, rapidamente, encolhi os braços e fui descendo naquela velocidade que não era de uma meia-pangaré! No percurso todo, devo ter passado por uns 7 semáforos vermelhos! Kkk. Bem, passado o primeiro susto, voltei a correr no ritmo que estava antes da descida. Depois de alguns km, outra subidinha! E lá vou eu, desta vez, de frente e não de costas! E mais uma vez, uma descida! Kkk. De repente... uma rodovia? Um caminhão-cegonha transportando carros, bem ao meu lado!!! Onde a gente estava? Até eu que não tenho noção de direção, percebi que estávamos na VIA ANCHIETA!!! Alguns metros após, entramos de novo em São Bernardo... e mais uma vez, uma subida! Isto quer dizer que vai ter uma desciiiidaaaa! Hahaha. Acho que esta foi a última... E por fim, plano... "acho" que estamos chegando, pois já vi este nome de rua em algum lugar: Senador Vergueiro... Querem ver a altimetria do percurso?
Olha só:

Kkk, parece mais um eletrocardiograma! Fortes emoções! O MM tinha dito no forum Play que nesta corrida não era para a gente esperar baixar o tempo, mas por causa da minha engrenagem que não funciona direito, eu acabei reduzindo o meu tempo em 10 minutos! Kkk. Terminei em 02:12:12. Hoje, o Fábio Luciano não estava lá para gritar: "Liga o turbo, Mayumi!!!", mas o turbo foi acionado nas descidas, sem querer! Depois, lembrei-me que eu "não sou turbinada"! Rsrsrs.
Acho que os treinos estão dando certo, viu Arthur? E as suas correções também! Mas tenho que reconhecer que o tempo chuvoso também ajudou muito! Faço os meus melhores tempos em dias de chuva!
Para finalizar, palmas para o meu marido que, apesar da chuva, ficou se molhando para tirar as fotos! Voltamos ensopados para casa! E parabéns a todos os participantes pelo esforço de acordarem cedinho, hoje!