5 de dez de 2007

Super 40

Dia 1º de julho de 2007. Esta seria a data da corrida Super 40, corrida de revezamento.
Lembram-se daquela amiga que foi me ver correr a São Silvestre e que chegou atrasada? Pois é, a própria, a Minori! Foi ela quem teve a idéia de corrermos a Super 40! Mas, quem iria correr conosco? Ah... bem, vamos olhar à nossa volta no trabalho e ver quem tem cara de quem corre! Rs. Afinal, se arranjássemos 10 pessoas, cada uma teria que correr apenas 4 km! Bem, então comecemos a "recrutar" as pessoas: Mine e Maki que foram me assistir ao vivo na SS... até agora somos em 4 pessoas, mas em 4, cada um teria que correr 10 km. Para quem nunca correu, isto é muito complicado! Sem falar no preço da inscrição, que é de R$300,00 por equipe. Então... ah, o vice-diretor! "Por acaso o senhor se exercita? " "Ah, sim eu corro na esteira." "Por quanto tempo?" "Uns 30 minutos." Pronto, mais um! Olha, o Fabiano! Ele veio fazer a manutenção do micro! Vamos perguntar! "Fabiano, você quer correr 4 km?" "Como assim?" "Num revezamento, vamos, parece que vai ser no Autódromo de Interlagos." "Opa! Vamos lá, posso convidar o meu primo?" Mais 2! O professor Alexandre! Ele disse que corria antigamente! Disse que chegou a correr 20 km dentro da USP, quando o tempo da corrida era medido sem chip! "Alexandre, você quer voltar a correr?" Mais um! E a Keika, será que ela topa? Ela disse que gostava de correr. "Keika!" Mais uma. E a Minori perguntou para o irmão dela, Mitinobu, quando ele voltou da faculdade naquele dia, se ele queria correr: "Miti, você quer correr no Autódromo?" E ele respondeu: "Ah, sim, posso ir, mas agora estou cansado! Pode ser amanhã?" Rsrsrs. Ai, este cara! E a equipe estava formada! Bem, agora, quem vai ser o capitão? Tem que ser a pessoa que chamou, né? Minori? Mas... como faz a inscrição? Onde paga? Chip? Ai, vai começar de novo! Rsrs. Bem, sem perceber, já estava fazendo a inscrição, a Minori estava desenhando a nossa camiseta... e o nome da equipe? "Kame-kame Club" (kame=tartaruga). A camiseta ficou legal! Verdinha tartaruga! O Fabiano não gostou da cor, mas como ele não opinou...
Todos treinando por conta, em academias, parques... poxa, temos que marcar um treino coletivo! Mas... a corrida não vai ser mais no Autódromo, vai ser na raia olímpica da USP! Bem, menos mal, pois é tudo plano! O dia da corrida se aproximando, todos treinando para os 4 km. Um dia a gente marca de treinar na raia... e este dia foi no sábado da semana anterior à corrida.
Uns foram, outros não, mas todos continuam treinando bravamente!
No dia da prova, havia mais duas corridas, o que fez com que a Super 40 fosse uma corrida com poucas pessoas e super-confortável para nós. Estacionei o carro num bolsão ao lado da raia, bem atrás de um ponto de ônibus que tinha cadeiras e cobertura. E como tinha levado um lanchinho, água e isotônico e deixado no porta-malas, a torcida ficou numa posição bem estratégica: no ponto de ônibus, com acesso ao lanche do porta-malas.
A torcida maravilhosa! Não poderia deixar de mencionar: Ana Márcia confeccionou até bandeirinhas para torcer por nós, e levou uma torta caseira! A Cecília, tentou ir a pé para a USP, mas o portão estava fechado, então teve que pegar um táxi para chegar ao local. A Yumiko e a Tininha foram de ônibus! E a Elza, estava trabalhando, mas trouxe o "trabalho" (uma visita) para a corrida! Olha, foi uma festa!
Bem, o resultado de tudo isto? Tem gente perguntando quando começa a inscrição para o ano que vem, outros dizendo que não querem mais correr... sei que o Fabiano viciou! Já participou de umas 4 corridas depois da Super 40! E no ano que vem, disse que vai correr mais rápido que o primo dele! Cristiano que se cuide! Mas o mais emocionante foi ver a filha da Elza dizer que queria correr também. E não é que ela participou da Corrida Infanto-Juvenil e pegou o segundo lugar da categoria dela? Parabéns!

Nenhum comentário:

Postar um comentário