14 de out de 2009

Água, água, água!

WOOTAA, PURIIZU! Rsrsrs. Traduzindo: "Water, please!". Kkkk.
Na semana passada, bem numa quinta-feira chuvosa, num dia muito "molhado" mesmo, participei de uma palestra sobre hidratação na sede da Corpore. Lá, tomei bastante água... porque estava morrendo de sede! Rsrsrs.
Desculpe-me a demora em colocar pra vocês o assunto desta palestra! Vou ver o que eu me lembro do assunto! Rsrsrs. Bem, o palestrante era o... era o... ai, ai... ah! Mario Pozzi! Sim, ele que é o diretor do Needs (www.needstraining.com.br). Ele disse que lá fazem avaliações físicas com teste ergoespirométrico e tudo, por um preço bem acessível! E parece que é bem acessível mesmo, comparado a outros lugares. Bem, vamos conferir! Plim, plim! Rsrs.
A palestra começou com um pouco de atraso, de modo que tive que sair antes do término. Mas vou resumir aqui o que ele disse de importante e que ficou registrado em minha memória (sorry!) ou o que consegui anotar.
1. O uso de antiinflamatórios atrapalha o processo de hidratação. (Eu nunca usei antiinflamatórios, nem sei porque e quem deve usar, mas deve ter suas razões, né?)
2. A desidratação pode prejudicar em até 20% o seu rendimento nos exercícios físicos. (Os "enxutinhos" demais podem começar a caminhar no meio da corrida. Rsrs.)
3. Quando você sente sede, é um sinal de que já está desidratado! Num dia de calor, você tende a perder mais líquido por meio do suor. Portanto, é importante repor esta perda.
4. Para render melhor ao praticar algum exercício físico, é importante que você esteja aclimatado, ou seja, acostumado com o clima local. Mas nem sempre isto é possível! (Veio à mente o caso dos jogadores de futebol que vão jogar em La Paz (Bolívia), que fica a mais de 4.000 metros do nível do mar, bem diferente daqui... deve demorar um tempão para se acostumarem com o local, não?)
5. O corpo humano consegue se manter ativo até a 41 graus de temperatura corporal (a temperatura normal é 36,5 graus). Portanto, ele suporta um aumento de temperatura de até 5 graus!
6. O controle da sudorese depende de vários fatores, entre eles, o fator genético, a aclimatação (ah, é por isso que tem gente vestindo manga comprida para se acostumar com temperaturas altas. E assim, podem vir a controlar a sudorese em locais mais quentes! Consequentemente, irão controlar a hidratação também!), e a intensidade e duração dos exercícios (uma corrida irá causar mais sudorese que um exercício de musculação).
Ele estava contando que treinou uma pessoa para a Comrades e que, para saber que tipo de hidratação seria melhor para esta pessoa, fez um teste colocando uma esteira dentro de uma sauna aquecida a 50 graus e fez a pessoa correr. E quando ela precisou de se hidratar, ele testou várias formas. Levou para dentro da sauna um sachê de gel de carboidrato, uma garrafa de água, uma de suco e uma de Cola-Cola. Sabem o que a pessoa conseguiu ingerir naquele calor de 50 graus? Ele disse que foi Coca-Cola! Parece que isto também depende de pessoa para pessoa!
Agora, olhem só os sintomas da desidratação! Vejam só o que a falta de água no seu corpo pode vir a causar!
1. Dor de cabeça
2. Tontura
3. Secura na boca (Não me diga! Rsrsrs.)
4. Olhar profundo (??? Quando alguém olhar profundamente para você, ele pode estar te "secando"! Rsrsrs.)
5. Vômito (Taí, tem gente que já chegou vomitando no final de uma corrida? Pode ser desidratação! Eu disse "pode". Como eu disse a uma colega "Onde há fumaça, "pode" haver fogo, mas também pode ser apenas uma pessoa fumando!" Rsrsrs.)
6. Náusea
7. Aumento da frequência cardíaca (Olha só, se aumenta a FC, você fica cansado mais rapidamente!)
8. Cansaço e fadiga
9. Confusão mental (Putz, será que estou desidratada? Bebi tanta água hoje! Rsrs.)
10. Queda da performance (Mais ainda? Rsrs.)
11. Perda da coordenação motora (Já pensou? Em situação normal, eu já não consigo fazer duas coisas ao mesmo tempo. Beber água e correr, impossível! Desidratada, então...)
12. Redução da elasticidade da pele (Essa não! Isto significa ficar enrugada como "umeboshi" (conserva à moda japonesa de ameixa seca toda enrugada e bem azeda). Rsrsrs. Isso não, isso não! Rsrsrs.)
É gente, vamos tratar de ouvir o nosso corpo! Eu acho que o mais difícil não é melhorar o seu tempo, correr com tudo, o mais difícil é manter o equilíbrio. Muitas vezes, o corpo está gritando e a gente não está sentindo. Às vezes, eu quero correr mais e mais e mais... mas, será que o corpo não está pedindo "água", literalmente? Depois de ficar umeboshi, é difícil mudar o quadro, né? Não fiquemos azedos! Rsrsrs. Bons treinos!

12 comentários:

  1. Legal o seu texto, Mayumi.
    Agradeço por tê-lo postado, pois foi muito esclarecedor.
    Obrigado,
    Ass.: Guilherme.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom o Texto, parabéns minha amiga... eu bebo em media entre 1 à 1.5 litros por dia..

    ResponderExcluir
  3. Olá !!! tudo bem?
    Eu me hidrato bastante e sempre com água. Devo tomar uns 2 litros por dia e a minha referência é sempre a urina, que tem que ser transparente.
    Nos treinos, sempre tomo água, ainda mais qdo treino na hora do almoço no sol do Fundão. Bebo água, como vc falou, sem ter sede. Outro dia, um taxista da área me reconheceu como o cara que corre com uma garrafa de água na mão, hehehe.
    Nos treinos longos, tomo isotônico ao chegar em casa. Mas, quero mudar para algo mais natural como água de côco e um pouco de sal marinho. Ainda estou para fazer esse teste.
    Bjs e parabens pelo retorno as pistas !!!! Vc é um exemplo a ser seguido.

    ResponderExcluir
  4. Olá, querida!

    Esse lance da hidratação realmente é muito importante. Confesso que, antes de correr, era bem displicente em relação à hidratação, quase não tomava água durante o dia.
    Depois de me iniciar nas corridas, acho que o próprio corpo pede água e tento sempre manter-me hidratada.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Mayumi!

    Deve ter sido mesmo muito interessante esta palestra. Obrigado por compartilhar conosco as informações. Hidratação é algo importante e que eu procuro sempre observar, durante as corridas ou não. Nunca me preocupei em medir, mas acredito que eu passe com sobras a recomendação diária dos dois litros. No dia em que vou no rodízio, então, um garrafão daquele de 20 litros é pouco.

    Então é isso: muita água para todos nós! Principalmente para os que andam meio azedos (essa é boa!), hehehe...

    ResponderExcluir
  6. Olá Mayumi....
    Passando para deixar um forte abraço e elogiar esta postagem. Muito legal e com um assunto interessantíssimo.
    Realmente de secar a boca!! Um abração!!

    Tuco – Rumo aos 42K
    Curitiba- PR
    http://tcprojetotriathlon.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Menina vc tem uma forma muito alegre de falar coisas sérias e importantes.
    Esse papo de desidratação não é fácil não... quando a gente pensa que é só sede a coisa já foi para o saco literalmente...risos
    Bem é importante manter-se atento as informações que o nosso corpo passa e atentar para a nossa condição de amador...afinal corremos para viver e não para derreter...risos
    Quero ver em Santos no dia 18/10 sua participação (estréia) em nossa Equipe... reza para não fazer sol senão...haja água na cabeça!
    Abração do amigo

    ResponderExcluir
  8. Beleza de texto, repleto de informações e bom humor, que é sua marca registrada. Valeu!!!

    ResponderExcluir
  9. Legal Mayumi essa palestra que vc participou é isso ae galera vamos se hidratar, mas com consciência hein.
    Bom final de semana e bons treinos.

    Um abraço,

    Jorge Cerqueira
    http://jmaratona.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Otimo post amiga Mayumi, eu por natureza bebo pouca aguá mas as vezez recompenso com uma cervejinha gelada, afinal tem agua nela...rs...mas de vez em qdo e com moderação...abc

    ResponderExcluir
  11. OI Mayumi, o assunto é importante, mas que vergonha, eu geralmente sou despreocupado com a água. Em corridas eu tomo de forma adequada, eu acho, mas muito dificilmente eu tomo água nos treinos (talvez seja por isso que eu esteja devagar...rsrs) pois eu odeio carregar qualquer coisa. Mesmo treinos de 20 Km eu não me preocupo em levar água. Mais que isso, dependendo da temperatura, já não tem jeito...

    Mas não sigam meu (mal) exemplo!

    Abraços

    Marcos

    ResponderExcluir
  12. hahaha, muito bom esse post Mayumi.

    Melhor ainda os seus comentários. Fantásticos. Rindo muito dos UMEBOSHI, vejo vários nas corridas.

    Como diz um amigo : Não tomo água porque os Peixes Transam nela.

    Brincadeiras a parte, só quem coreu em Floripa a maratona de Sta Catarina esse ano sabe o que a falta de água e gelo é capaz de fazer com o ser humano. SOCORRO!

    Beijos
    Colucci

    ResponderExcluir