26 de abr de 2008

Falando um pouco sobre a língua japonesa...

Olá, pessoal das postagens e leitores "silenciosos" (rsrs):
Obrigada pela leitura, às vezes, tão sem importância para as corridas, mas ainda assim, uma postagem!
Olha, esclarecendo alguns pontos sobre a língua japonesa... para não perder o costume:
Hideaki, você disse que "não se estressa mais com possíveis erros dos não-nikkeis". Vamos esclarecer o seguinte: estes erros não são exclusivos dos não-descendentes de japoneses, são de todas as pessoas que falam o japonês como língua estrangeira, inclusive eu, que sou professora. Eu sou como qualquer outra professora de língua estrangeira (como as professoras de inglês ou espanhol, que hoje trabalham bastante) nativa em língua portuguesa, ou seja, eu falo o japonês fluentemente, mas a minha especialidade é explicar e treinar o japonês de modo que as pessoas que queiram aprendê-la "entendam" e consigam usá-la de forma a poder se comunicar nesta língua. Então, somente para que os leitores não comecem a lhe "malhar" (rsrsrs), erros em língua estrangeira, todos nós podemos cometer, não somente os que não têm muito contato com esta língua! Não vamos fazer discriminação! Rsrsrs. Friso isto para esclarecer que todos que têm interesse em aprender o japonês, possam fazê-lo sem pensar que isto é um bicho de sete cabeças, ok? Realmente, não é! Não é propaganda, não! Kkk.
Corredor-X, poxa, então uma pessoa morreu na sua academia "andando" na esteira? Você está me assustando! Rsrsrs. Quanto à sua pergunta sobre o que significaria "mossidoo"... como eu não tenho o contexto todo para dizer ao certo o que significaria esta palavra, eu poderia aqui, dar algumas opções para ver se alguma delas serviria no contexto do filme, ok? Talvez o personagem tivesse gritado "mô itidô!" que significaria "mais uma vez!"; talvez ele estivesse falando "bushidô" que significaria "artes marciais"... será que algum deles se encaixaria? Rs.
Fiquem à vontade para perguntar, ok? Só não prometo fazer traduções de textos inteiros ou coisa parecida, pois tiraria o trabalho dos tradutores e isto não seria nada elegante nem ético! Rsrsrs. Mas, posso indicar alguns tradutores se quiserem!
Bem, a minha próxima postagem será sobre os treinos de corrida! E os micos ainda continuam! Kkk. Mas, com a ajuda de vocês, devagar eu vou ao longe! Ou melhor, "tento" ir ao longe. Até mais, gente!

5 comentários:

  1. Olá! Me desculpe pelo mal entendido. Na verdade, quis dizer que eu já tive um momento de alta arrogância em relação à língua. Preconceito que perdi ao conhecer outros países, além do eixo Brasil- Japão. Hoje em dia, adoro conversar com não-nikkeis que se esforçam em aprender a língua japonesa (o que em geral, implica também em admiração pela cultura) e eu também procuro fazer o mínimo de esforço de aprender a língua local, ao visitar outros países. Hoje em dia, acho extremamente deselegante quando um descendente tenta corrigir os outros como se fosse obrigação saber a língua japonesa (até aqui, eu também fazia até a época de colégio) ainda mais quando nessa tentativa, acabam falando besteiras piores, rsrs. Quanto ao Mossidoo, do corredor X, a primeira coisa que pensei foi o óbvio "Bushidô", mas pensei também no "Mou shinou" (vou morrer, em geral num sentido de "não dá mais"). t+ P.S.: apenas como curiosidade, a palavra que apareceu aqui na minha tela para "Verificação de Palavras" (esse tipo anti spam) é "ookosama". Parece japonês, não? hahaha

    ResponderExcluir
  2. Ah, agora sim, está bem explicado, senhor Hideaki! Quase perco os meus alunos, hein? Rsrs.
    Quanto ao "mô shinô", realmente, não tinha pensado nesta possibilidade... talvez caiba no contexto do nosso amigo, não? Obrigada! Até mais!

    ResponderExcluir
  3. Eu vejo sempre essa palavras, geralmente em filmes de artes marciais. Além de profesoora de japônes você também deveria tentar escrever um livro, o dom você tem, seus textos são ótimos

    ResponderExcluir
  4. Putz, Corredor X... assim você não ajuda... Tanto Bushidô (espírito de Samurai, ou de lutador), Mou itido (mais uma vez!) como Mou Shinou (vou morrer, de conformismo) podem aparecer diversas vezes em filmes de artes marciais... No chute, fico com o "Mou itido", que foi exatamente a opção que eu não imaginei ao ler seu post inicial. Posta um link de youtube que facilita, hehe Abraço a todos

    ResponderExcluir
  5. Corredor X, agradeço a sua observação quanto à escrita de um livro. Na verdade, acabamos (eu e mais 4 professores) de lançar um livro para quem ensina japonês (70 Perguntas de Pessoas que Ensinam Japonês no Brasil-edição bilíngüe), à venda na Aliança Cultural Brasil-Japão de São Paulo (tel.: (11)3209-6630). O próximo passo será um livro para estudantes e interesados em japonês! Já engatinhamos um projeto. Obrigada, mesmo pelo incentivo! E dsculpe-me pela propaganda!
    Ô, Hideaki, não vai assim no chute! Rsrsrs. O Corredor X da questão (rsrs) deve ter assistido a vários filmes de artes marciais e talvez nem se lembre quais seriam todas estas situações de uso desta palavra, no momento. Pode ser que as palavras tenham um significado diferente dos que já levantamos aqui. Porém, como aprendemos e ensinamos em aulas de capacitação para professores, todas as palavras têm que ser aprendidas com um contexto, senão, não tem como a pessoa usá-la! Portanto, já é um meio caminho andado: o da percepção de uma palavra que aparece em várias situações, ou seja, o Corredor X é um ótimo observador, não é mesmo? Até mais! Vamos falar de corridas? Rsrs.

    ResponderExcluir